Revelamos a fórmula do sucesso da Starbucks: o branding!

22.outubro

Agência da 4Buzz

Por Amanda – Redatora na 4Buzz

Se eu te perguntar 3 marcas de perfume, tênis ou celular, você provavelmente não encontraria dificuldade para responder.

Agora, e se eu te perguntar 3 cafeterias, quais viriam à sua mente? Olha, por mais que eu me esforce só consigo me lembrar de uma: a Starbucks!

Mas o que faz a marca ser tão lembrada assim? A resposta é simples: o branding! O ponto de partida de toda a sua estratégia.

Mesmo que sua empresa não seja do ramo de cafeterias, é bacana pegar a Starbucks como case de sucesso para o seu benchmarking.

Vamos lá?

 

O que é branding?

Antes de buscar entender o algoritmo do Instagram, ou definir a logo da sua marca, é importante saber como desenvolver um bom planejamento de branding!

É ele quem irá guiar o posicionamento e identidade da sua marca, e consequentemente, toda a comunicação da jornada de compra como textos, posts, e-mails, vídeos e campanhas.

O branding tem raízes no propósito, nos valores, missão e projeção da sua empresa, estando diretamente relacionado à conexão com o cliente.

E se tratando de Starbucks, tudo transmite a sensação de que o cliente é o foco. Assim, eles saem da posição de consumidores para uma assumir o papel de comunidade fiel e engajada com a marca!

 

Por que a Starbucks é um case de branding de sucesso?

O principal produto vendido pela rede de cafeterias é o café, que pelo menos em Ribeirão Preto, encontramos um a cada esquina.

Com o triplo do preço cobrado no pingado das padarias da cidade, o Starbucks se consolidou como autoridade mundial de café, com mais de 20 mil lojas abertas pelo mundo.

Na verdade, a marca não vende somente café, ela vende experiência, e por que não, estilo de vida?

Afinal, quem nunca viu um amigo, conhecido ou celebridade posando para foto com o copo da Starbucks?

Vamos combinar, esse copo praticamente fala sozinho. O amor pela marca é tão grande que os clientes fazem propaganda sem perceber.

 

Quais lições podemos aprender com a Starbucks?

Nós revelamos o segredo por trás de toda essa autoridade através de 5 dicas para você adaptar ao seu negócio!

 

1 – Crie experiências

Se você já passou em frente a uma de suas lojas, provavelmente percebeu a atmosfera aconchegante e convidativa do local!

A luz baixa e os tons terrosos trazem essa sensação. Além disso, a disponibilidade de wi-fi, mesas para notebook e tomadas para carregar o celular proporcionam o cenário perfeito para passar algumas horas e, consequentemente, consumir mais.

De fato, a marca cultiva um ambiente que justifica o preço, fazendo com que os consumidores permaneçam fiéis mesmo diante de opções semelhantes.

 

2 – Surpreenda e encante

Lembra que comentei do copo? Pois bem, ter seu nome escrito no copo pelo barista é uma tradição em todas as lojas.

Isso torna a jornada de compra ainda mais especial, pois os clientes compartilham suas experiências de forma espontânea nas redes sociais, garantindo um boca a boca sincero e assertivo.

A empresa também investe em treinamentos internos para os colaboradores, tornando o atendimento impecável e encantador. A sensação de pertencimento é mantida em todas as unidades

 

3 – Seja inclusivo

Para os não amantes de café, a marca oferece cookies, chás e diversas outras bebidas sem cafeína. Garantindo que ninguém fique de fora!

E quando eu digo ninguém fica de fora, é ninguém mesmo. Afinal em alguns países é possível encontrar lojas com cardápios em braile e atendimento em linguagens de sinais.

 

4 – Dance conforme a música

Apesar do seu tamanho global – são mais de 20 mil lojas espalhadas pelo mundo – a Starbucks consegue se adaptar a cada país como se fosse local.

No cardápio brasileiro por exemplo, você encontra bebidas com base de brigadeiro, pão de queijo e até coxinha!

 

5 – Entregue valor

Marcas com bom potencial de crescimento não deslancham no mercado mantendo comunicação rasa, fazendo sempre mais do mesmo, o famoso feed panfleto.

Quando uma marca foca apenas na venda do produto ela deixa de ser valiosa. Por isso, ofereça conteúdos que transparecem as características do seu negócio!

Pensar em branding é pensar em conexão de valor, fator fundamental para construção de uma marca forte!

E é exatamente isso que fazemos diariamente: conectamos marcas às pessoas!

Nosso trabalho é fazer com que o seu seja conhecido, reconhecido e permaneça no coração e no clique do seu cliente!

 

Eu espero que esse bench tenha despertado vários insights dentro de você!

 

Se esse conteúdo te ajudou de alguma forma, compartilhe nas suas redes sociais 🙂

Vejo você em breve 🙂

Posts relacionados:

branding cases de sucesso

16.março. por Felipe Lima

Tom de voz: entenda o poder do posicionamento e identidade da sua...

Corre aqui e entenda como uma comunicação bem-alinhada ao perfil de seu público e com os valores de sua empresa impacta...

Ver mais
branding criação performance

12.novembro. por Rafaell Ribeiro

Design Thinking: inovação na hora de criar solução

Desenvolvida na Universidade Stanford, Design Thinking é uma abordagem prática e interativa entre pessoas com diferentes conhecimentos, ou seja, de diversas...

Ver mais
branding criação

15.maio. por Rafaell Ribeiro

Nossos clientes e as criações durante a quarentena

A pandemia do novo coronavírus afastou as pessoas das ruas e as aproximou do mundo virtual. Quando o período de quarentena...

Ver mais
cases de sucesso

30.abril. por Rafaell Ribeiro

5 ideias criativas em tempos de quarentena

A quarentena obrigou as agências de publicidade a esvaziaram suas salas e um novo jeito de trabalhar passou a vigorar entre...

Ver mais